“Me chamo Felipe Camazano, tenho 28 anos e sempre fui ligado ao esporte. Cheguei a jogar futebol profissional como goleiro pelo A.C. Chievo Verona e por conta disso morei na Itália por 3 anos. Depois tive a oportunidade de fazer faculdade nos EUA e quando terminei voltei para o Brasil. Agora faço Educação Física e trabalho em uma academia.”

Felipe, qual a sua relação com tênis no geral?

Tênis representa muito a personalidade da pessoa, é o que mais reflete o estilo dela. Você vê se ela está bem vestida ou não pelo tênis que está usando – não adianta nada estar com uma roupa legal e um tênis zuado que não vai combinar (risos). Começa pelo pé.

Tenho uns 20 pares de tênis, mas a maioria são de corrida já que de 3 anos pra cá tenho corrido bastante. Tenho tênis de cano alto, baixo, com meia de flyknit, normal, zoom, mas todos basicamente virados para performance, porque trabalho com isso. Na academia meus alunos sempre olham o que estou usando, me pedem recomendação sobre qual é o melhor modelo para corrida ou para um exercício em específico e etc.

Você lembra de quando começou a gostar de sneakers?

Foi no começo dos anos 2000 quando o 50 Cent fazia os clipes com um Air Force 1 branco animal. Estava bem na moda os AF1 e uns de basquete super fodas.

E qual a sua relação específica com esse Nike Free Run?

Quando o comprei eu ainda nem corria. Depois de um tempo, quando comecei a correr, mudou muita coisa na minha vida e conheci várias pessoas interessantes. Esse é o tênis que está mais rodado dos que tenho, minha primeira prova de corrida na rua foi com ele, já rodei mais de 300km! Uso bastante pra sair também, hoje em dia é o meu tênis pra bater mas continua sendo o meu preferido.

A cor desse Nike me chamou muito a atenção porque achei que era um tênis de fazer trilha, pra correr na montanha e gostei bastante disso. Por ele ser de cano alto também, é um modelo extremamente confortável e encaixa super bem no pé.

Nike Free Run Mid
Dono: @camazano
Comprado: 2014